Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

  Ctrl + 1 (menu)   Ctrl + 2 (conteúdo)   Ctrl+ 3 (busca)   Ctrl + 4 (mapa)   Ctrl + 0 (acessibilidade)
  Fonte Maior   Fonte Menor   Fonte Padrão
  Contraste
×

menu

Serviços


CadÚnico / Bolsa Família



O que é:

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, permitindo que o governo conheça melhor a realidade socioeconômica dessa população. Nele são registradas informações como: características da residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho, renda, entre outras.

A partir de 2003, o Cadastro Único se tornou o principal instrumento do Estado Brasileiro para a seleção e a inclusão de famílias de baixa renda em programas federais, sendo usado obrigatoriamente para a concessão dos benefícios do Programa Bolsa Família, da Tarifa Social de Energia Elétrica, entre outros. Também pode ser utilizado para a seleção de beneficiários de programas ofertados pelos governos estaduais e municipais. Por isso, ele funciona como uma porta de entrada para as famílias acessarem diversas políticas públicas.

 

A quem se destina:

• Famílias com renda mensal igual ou inferior a ½ salario mínimo por pessoa ou renda familiar mensal de até 03 salários mínimos.

 

Para ser cadastrado, é necessário:

• Ter uma pessoa responsável pela família para responder às perguntas do cadastro. Essa pessoa deve fazer parte da família, morar na mesma casa e ter pelo menos 16 anos.

Documentos necessários:

• Para o responsável pela família, é necessário o CPF ou Titulo de Eleitor.

• Apresentar pelo menos um documento de todas as pessoas da família:

- Certidão de Nascimento;

- certidão de Casamento;

-CPF;

-Carteira de Identidade (RG);

-Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI);

- Carteira de Trabalho; ou Contrato;

- Titulo de Eleitor;

• Comprovante de endereço pode ser a conta de água ou luz.

Exceção: no caso de responsável por famílias indígenas e quilombolas, pode ser apresentado qualquer um dos documentos acima. Não precisa ser o CPF ou o Titulo de Eleitor.

Links Úteis

Consulte e acesse os portais de entidades que auxiliam no desenvolvimento do município.

Taxa de Vigilância Sanitária

Emissão de guia para pagamento da 2ª via de carnê da Taxa de Vigilância Sanitária.


topo